Skip to content

GUIA DE PERFUMES #1 HISTÓRIA & CURIOSIDADES

maio 23, 2010

perfume_cleopatra

O poder da perfumaria acompanha e seduz a humanidade ha séculos. Dos ungüentos preparados pelos egípcios há mais de dois mil anos até a tecnologia usada para a criação de fragrâncias únicas e especiais, muitas histórias se acumularam em torno do perfume.

Prepare o seu olfato e descubra algumas curiosidades sobre o líquido que encanta homens e mulheres.

Não se conhece a data definida para o surgimento do perfume, mas sabe-se que desde a Antigüidade o homem usa fragrâncias para perfumar o ambiente, em rituais religiosos e para métodos de cura.

Egípcios misturavam sucos tirados de flores e plantas, por exemplo,para fazer insensos e ungüentos. Em Jerusalém arqueólogos descobriram no porão de uma casa, que data do século I a.C., evidências de uma oficina de perfumaria, com fornos, panelas e pilões. Hoje, um perfumista tem cerca de 4 mil essências, entre naturais e sintéticas, para trabalhar. Algumas são mais usadas em pefumes femininos, como a rosa e a baunilha. Outras, como o alecrim e o limão, são mais freqüentes nos masculinos.

ORIGENS: A origem da palavra “perfume” é o latin: per significa através, e fumus quer dizer “fumaça”. Portanto, perfume é sentir através da fumaça ou encher de fumaça. Isso porque, quando o homem descobriu como fazer fogo, os chamados perfumes eram feitos pela queima de arbustos, flores e resinas, que, assim, exalavam intensos aromas.

PARA TODOS OS GOSTOS: O ser humano é capaz de identificar de 2 mil a 4 mil odores diferentes. Entre os mais fáceis de serem reconhecidos estão: o canforado, o almiscarado, o floral e o mentolado.

NÃO SE ESQUEÇA DE MIM: A rainha egípcia Cleópatra ficou conhecida pelas inúmeras conquistas amorosas. Mas não era apenas pela beleza que ela seduzia seus amantes. Cleópatra possui seu próprio ateliê de perfume. Dizia-se que ela esfregava perfume sólido na boca antes de beijar um amante, para que o cheiro o obrigasse a pensar nela depois do encontro. Dizem que ela seduziu Marco Antônio e Julio César usando um perfume à base de óleos extraísos das flores.

À PRIMEIRA VISTA: A visão é o primeiro sentido a ser atingido quando vamos comprar um perfume. Você compraria um perfume em um frasco sem graça? Provavelmente não. Por isso os fabricantes se esmeram no desenvolvimento de embalagens, que devemrevelar o tipo de fragrância contida no videro: sofisticada, esportiva, masculina, feminina, moderna. Masnão foi sempre assim. Até o início do século passado, os perfumes eram vendidos em frascos de farmácia e trasferidos para vasilhames próprios em casa. Foi só a partir de 1910 que eles começaram a ser comercializados em frascos bonitos e sofisticados.

JARDIM DE AROMAS: Se dermos uma volta por um jardim, provavelmente nos depararemos com espécies de plantas, flores e raízes que já acabaram dentro de um frasco de perfume. As matérias-primas naturais são extraídas de quase todas as partes de uma planta. Dacasca da fruta (laranja), da raiz (vetiver), do tronco (sândalo), do córtex (canela), das folhas (tomilho) e da flor (rosa).

Fonte: Perfume perfeito

Imagem: Google imagens

Anúncios

From → GUIA DE PERFUMES

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: